Grupo Sotreq e Sitech apresentam novas tecnologias na Exposibram

Grupo Sotreq e Sitech apresentam novas tecnologias na Exposibram

Empresas contam com soluções para o mercado de mineração que garantem conectividade e automação dos equipamentos

 

Entre os dias 18 e 21 de setembro, a Sotreq e a Sitech – empresa do Grupo Sotreq especializada na distribuição mundial de produtos de tecnologia – participaram da Exposição Internacional de Mineração (Exposibram 2017), uma das maiores do setor na América Latina.

 

Realizado no Centro de Feiras e Exposições EXPOMINAS , em Belo Horizonte (MG), o evento teve o tema “Um Olhar sobre o Futuro da Mineração”. Na ocasião, as empresas apresentaram novidades em tecnologia que melhoram o trabalho dentro das mineradoras, além de ser uma oportunidade para parcerias e fidelização de clientes.

 

Em linha com o tema do evento e em sintonia com as demandas do mercado de mineração no Brasil, durante a participação na Exposibram, a Sotreq exibiu o portfólio de tecnologias Cat® MineStar™, um sistema integrado de gestão de equipamentos móveis apontado como o mais abrangente do mercado. Desenvolvido para atender qualquer tamanho e tipo de operação de mina, o programa é composto por várias soluções configuráveis e dividido em cinco módulos que podem operar individualmente ou integrados: Detect, Terrain, Health, Flet e Command.

 

O Cat® MineStar™ possui ferramentas que atuam desde a identificação de sinais de fadiga no operador (com alertas em tempo real para evitar acidentes) até avisos na cabine que evitam a colisão de equipamentos. Quanto ao aumento de produtividade, conta com sistemas que contribuem para a redução do retrabalho e monitoram as condições de operação da frota, além do controle remoto de equipamentos, semi-automação e operação autônoma das máquinas.

 

“Nosso foco é fornecer tecnologias que aumentem a segurança e a produtividade dos equipamentos”, afirma Bruno Peixoto, Gerente de Tecnologia da Unidade de Mineração da Sotreq.

 

A Exposibram também contou com a presença da Unidade de Energia da Sotreq – reconhecida pelos inúmeros projetos de fontes energéticas voltados para indústrias, hospitais, empreendimentos, entre outros – que apresentou o Grupo Gerador Cat® C18 de 750 kVA. O modelo assegura o fornecimento de energia elétrica mesmo em condições mais exigentes e disponibiliza ampla variedade de configurações.

 

“O evento reuniu as principais mineradoras e fornecedores de Minas Gerais e região, possibilitando o conhecimento das tendências do mercado”, descreve Arnaldo Carmona, Gerente de Conta de Mineração da Sotreq.

 

Tecnologia

A Sitech levou os produtos Rajant (rede full mesh) para conectividade em ambientes hostis, como equipamentos de rádio denominados BreadCrumbs, e o catalisador RENTAR, que reduz o consumo de diesel.

 

No caso deste último, trata-se de uma peça acoplada ao sistema de alimentação de combustível, que fica entre o tanque e a poucos centímetros antes da combustão. A tecnologia pode ser aplicada em qualquer motor que seja alimentado por diesel, como máquinas da linha amarela, fornos, caldeiras, geradores de energia, caminhões, locomotivas, dentre outros.

 

A redução do consumo de combustível depende do tipo de aplicação, motor, injeção e clima. Em máquinas, é de 3% a 8%; em fornos a redução esperada é entre 7% e 30%; já em motores geradores, de 7% a 12%.

 

“Temos soluções específicas para o ambiente de mineração e somos referência em tecnologias para o site de nossos clientes, seja na questão de conectividade, automação de máquinas, entre outros”, conta Marx Gutierrez, Gerente da Sitech.

 

Setor

Ao longo do primeiro semestre deste ano, o setor de mineração arrecadou US$ 11,5 bilhões. A balança foi superavitária, já que as exportações com mineração e transformação mineral arrecadaram US$ 22,6 bilhões, enquanto que as importações foram de US$ 11,1 bilhões.

 

Com isso, o setor representou 21% de todas as vendas do País no mercado externo. O desempenho foi puxado principalmente pela venda de minério de ferro, cujo valor de mercado também subiu. As exportações do produto corresponderam a 44% de todo o comércio exterior do segmento.

 

OUTRAS NOTÍCIAS

Quando duas empresas de renome internacional se reúnem, a parceria tende a ser um sucesso. Foi o que aconteceu entre a Sotreq e a SCHWING-Stetter ao acordarem na incorporação de Motores Cat® na linha...
Tecnologia pode ser instalada em máquinas novas e usadas, além de diminuir a produção de gases que causam o efeito estufa   O consumo de combustível é um assunto que interessa a todas as...